A Obra Kolping do Piauí em parceria com a empresa Alimente, desenvolve no norte do estado do Piauí o projeto CCA (Centro de Convivência de Agroecologia) que visa a educação agroecológica para crianças e jovens do campo, ensinando-as como cultivar alimentos saudáveis sem agrotóxicos, valorizando a cultura e além disso recebem reforço escolar.

O projeto iniciou em duas comunidades, sendo elas: Engano de Baixo (Município de Lagoa de São Francisco-PI) e Comunidade Cipó (Município de Pedro II-PI), na qual as duas são comunidades Kolping.

A abertura dos Centros foi no dia 20 de agosto, onde os coordenadores apresentaram para toda a comunidade a importância do projeto. E após a entrega dos uniformes foi apresentado a importância da parceria com a empresa Alimente.

A ASA Brasil e Fórum Piauiense de Convivência com o Semiárido também apoiam o projeto com material didático. Além da Comunidade Kolping Cipó e Comunidade Kolping Engano de Baixo que estão executando o projeto.

O Centro de Convivência de Agroecologia, é um local de referência, onde jovens e crianças debaterão sobre os problemas da comunidade, como os desafios da preservação ambiental, tanto da comunidade, quando municipal e nacional. Eles também farão o resgate das sementes nativas e plantas nativas e medicinais que fazem parte da sua cultura. Aprenderão sobre plantação Agroecologia em uma educação contextualizada onde podem colocar tudo em prática na comunidade. Eles irão também receber reforço escolar para que possam melhorar e se destacaram também na escola. Diz Raimundo João – Coordenador da Obra Kolping do Piauí.

“Os Centros de Convivência em Agroecologia tem um significado muito especial por ser o primeiro de muitos projetos sócio ambientais que
queremos, como empresa, desenvolver e ajudar. Acreditamos que somos parte integrante de um Planeta, e por isso devemos cuidar e ajudar a
preservá-lo, pois sabemos que a destruição do meio ambiente ocasiona danos a natureza e aos animais, e também a todos os seres humanos que necessitam desta harmonia para sobrevivência.

Ajudar o semiárido sempre foi um sonho, pois sei o quanto é difícil a convivência com o clima e com a falta de recursos, então, fazer parte de um projeto que será desenvolvido através da agroecologia com base na educação contextualizada, criado com carinho e dedicação pelas comunidades, é uma grande honra.

Sei que os Centros de Convivência proporcionarão benefícios não somente para as famílias, mas também para a terra e a natureza e que através das aulas e práticas, crianças e adolescentes aprenderão que cuidar da terra com amor podem lhes trazer grandes conquistas.

Tenho certeza que os CCA serão exemplo para muitas outras comunidades não somente no Piauí, mas em todo Brasil e mundo!

Farei o possível para ajudar a espalhar essa Boa Nova para o maior número de lugares possíveis, trazendo dignidade não somente para os seres humanos, mas para toda criação. Serei eternamente grata a vocês, por me ajudarem a iniciar a realização de um sonho!

Que possamos juntos nos fortalecer e fazer muito mais!” Disse Christiane Abreu – Representante da Empresa Alimente.

Fonte: facebook.com/alimente.eco.br

http://www.kolpingpiaui.org.br/noticia/72/centros-de-convivencia-de-agroecologia-sao-inaugurados-no-norte-do-piau

Comentários

Leave A Comment

Junte-se ao nosso boletim informativo

Thank you for your message. It has been sent.
There was an error trying to send your message. Please try again later.

Publicações relacionadas